Sábado, 7 de Maio de 2011

JN: Miley Cyrus quer casar com Príncipe

 

O JN fez na edição de ontem, uma pequenina referência sobre os tweets da Miley a cerca do casamento real de William e Kate. O título, realmente, parece um pouco estranho, mas explica-se pelo facto de que o Jornal de Notícias poder não ter interpretado bem os tweets da Miley. Podes ver em baixo o que foi publicado (que pode ser encontrado na página 30 da edição de 5 de Maio):

 

publicado por diary-and-more às 17:22

link do post | comentar | favorito
Sábado, 26 de Março de 2011

Sorry ;(

Ola! Pois eu sei! Ja nao escrevo nada à 5 meses (quase).

Pesso imensa desculpa!!!

Mas tive umas pequenas complicações com o meu computador...

É que avariou e eu estive este 5 meses à espera dele...

Mais uma uma pesso desculpa e prometo ( so se for a escola a quebrar esta promessa) que não vou deixar de vos dar as novidades sobre

a nosso Smily durante novamente 5 meses - ou mais.

 

Bjs e agora vamos actulizar o nosso bloguinho

publicado por diary-and-more às 21:11

link do post | comentar | favorito
Sábado, 9 de Outubro de 2010

Novas informações sobre 'So Undercover'

Ontem, o site Examiner.com revelou algumas informações importantes para quem se quer candidatar a

contracenar com Miley no seu novo filme 'So Undercover', com estreia marcada nos cinemas para 2011. Podes ler aqui o artigo completo traduzido para português (Portugal) pelo MileyPortugal:

 

«O novo projecto cinematográfico da Hope Town Entertainent, "So Undercover" com Miley Cyrus como personagem principal está na fase de pré-produção e as audições para co-protagonizadores e figurantes já começaram. Os papéis mais pequenos serão escolhidos em Nashville, TN e em New Orleans, LA – onde irão ser as gravações.

A mãe de Miley, Tish Cyrus, é a presidente da Hope Town Entertainent e com o seu parceiro Jodi Zuckerman serão os produtores do projecto. A outra produção envolvida neste projecto,"Scarlet Fire Entertainment", é dirigida pelo pela equipa de produção/autoria de Allan Loeb e Steven Pearl. Os recentes trabalhos de Loeb incluem "Wall Street: Money Never Sleeps" e os filmes que estão para breve "The Dilemma" e "Just Go with It".

Tom Vaughan , mais conhecido por  "What Happens in Vegas" está a ser abordado para a realização do filme.

Sari Knight e Mandy Sherman estão encarregdos de escolher candidatos em Los Angeles. Kim Petrosky irá seleccionar qual o elenco para Nashville. Petrosky foi também quem escolheu o elenco de  "Hannah Montana: The Movie".

Há imensos papéis a serem distribuidos para jovens actores que andem no Liceu, mas a produção também estaria interessada em maiores de 18 anos que conseguissem interpretar papéis de jovens.

 

As gravações de "So Undercover" começam a 10 de Novembro de 2010.»

 

 

fonte.

Traduzido para Português (Portugal) por MileyPortugal

publicado por diary-and-more às 16:48

link do post | comentar | favorito

Miley na inauguração de um restaurante grego

 

No passado dia 8 de Outubro a Miley abdicou um bocadinho do seu tempo livre para ir à inauguração de um restaurante grego chamado Xandros. Vejam as fotos abaixo e um vídeo da chegada da Miley ao restaurante:

 

 

 

Mais tarde, a Miley foi vista a deixar esse mesmo restaurante:

 

publicado por diary-and-more às 16:44

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Miley lança o videoclip mais sexy da sua carreira?

 

Depois do lançamento do vídeo clip de Who Owns My Heart muitas são as criticas que começam a chegar. Desta vez foi o site Pop Line que postou um artigo sobre o vídeo:

"Só de lingerie: Miley Cyrus lança o clipe mais sexy da sua carreia

Depois de ser um pássaro para o videoclip “Can’t Be Tamed”, Miley Cyrus dá mais um passo após o fim da série juvenil que protagonizava. A ex-Disney quer atingir um novo público e na sua nova produção, “Who Owns My Heart”, ela apresenta o lado sexy de uma estrela que está prestes a completar os 18 anos de idade."

O que acham? O site está a exagerar ou não?

publicado por diary-and-more às 16:38

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Foto: Miley almoça com amiga

 

Provavelmente, a foto foi tirada ontem à tarde, antes ou depois de Miley ter sido 'apanhada' pelos paparazzi, antes de entrar no seu carro, já que se encontra com a mesma roupa. O twitter @xGotCyrusVirus publicou esta foto hoje no seu twitter com a descrição "Miley lunch with a friend!" - traduzido para português, 'Miley almoça com uma amiga!'.

 

Podes ver a foto aqui:

 


publicado por diary-and-more às 15:21

link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 8 de Outubro de 2010

Biografia Da Miley Cyrus não OFICIAL

Miley Ray Cyrus nasceu dia 23 de Novembro de 1992 em Nashville, no estado americano do Tennessee. Ela é filha do cantor country Billy Ray Cyrus e de Letícia (“Tish”) Finley Cyrus, irmã de Trace Cyrus, Brandi Cyrus, Christopher Cody Cyrus, Braison Cyrus e Noah Cyrus.

Miley foi registrada com o nome de Destiny Hope
Cyrus, significa “Destino Esperançoso”, que
segundo ela, recebeu esse nome devido a
uma intuição de seu pai. Com o passar dos
anos, devido ao sorriso constante da filha,
Billy passou a chamá-la de “Smiley” (SORRISO,
em inglês) e foi diminuindo no modo de
falar, até chegar a Miley. Ao atingir o sucesso
mais de uma década depois, Miley e seu
pai entraram na justiça para mudar o
nome oficialmente para Miley Ray
Cyrus, alegando que esse é o qual é
conhecida em público. Ganharam a
causa dia 29 de Janeiro de 2008.

A carreira de Miley começou aos seus 9 anos, quando interpretou a personagem Kylie na série de TV “Doc”, que era estrelada por seu pai e gravada em Toronto, no Canadá, onde Miley inclusive morou por um ano. Em 2003, ela participou de seu primeiro filme, chamado “Big Fish”, onde interpretou Ruthie. Mas nem tudo eram flores. Durante sua sexta série na escola, com 12 anos, Miley passou por um período difícil, onde sofreu bullying, sendo reprimida por meninas mais velhas. Para fugir um pouco do ambiente carregado que estava passando, ela resolveu ser cheerleader (líder de torcida) e treinava para isso constantemente, participando de competições em várias cidades dos Estados Unidos. Lá, Miley conquistou amizades que levou para o futuro, como sua grande amiga Lesley Patterson.

Por outro lado, Miley estava chegando perto de conquistar seu maior sonho. Um dia, na escola, uma agente do canal Disney Channel apareceu oferecendo testes à meninas que estivessem interessadas na personagem Lilly, melhor amiga da principal, Chloe Stewart, de um novo seriado chamado “Hannah Montana”. Ela gravou a fita e enviou à Disney, que ligou para ela e pediu que fizesse mais um teste, só que dessa vez para a protagonista. Ligando de novo, o canal avisou que Miley era muito jovem e pequena para Chloe Stewart, a deixando de fora. Algum tempo depois, a Disney ligou novamente para Miley e pediu que ela fosse para Los Angeles fazer o teste pessoalmente, ainda para “Hannah Montana”. Depois de muitos vôos entre Nashville e Los Angeles, Miley chegou à final da bateria de testes. E foi assim que Miley conquistou o papel de Chloe Stewart no mais novo seriado da Disney, “Hannah Montana” – batendo centenas de concorrentes de todo o território americano.

A série fala sobre uma menina de 14 anos que vive uma vida dupla de super estrela do pop. De dia, apenas uma menina normal que freqüenta a escola e seus conflitos. À noite, com uma peruca loira, uma cantora de sucesso mundial. Durante “Hannah Montana”, a protagonista conquista amigos, passa por engraçadas situações e ensina lições de moral e princípios a serem seguidores pelas crianças e adolescentes. No teste final para o seriado, Miley precisava não só interpretar, mas também cantar. Ela foi ousada e escolheu a música “I Love Rock N’ Roll” de Joan Jett – música que futuramente cantaria em sua turnê mundial.

Conquistando o papel principal da série, Miley também conquistou seu maior sonho: de uma só vez, ela poderia atuar e cantar. Sendo assim, ela e sua família se mudaram para Los Angeles e ela então começa a trabalhar. Mas ninguém imaginava o quanto suas características mudariam, para melhor, o ritmo da série. Os produtores de “Hannah Montana” encontraram no sotaque de Miley, e em seu diferente nome, uma saída para o seriado. Sendo assim, o nome da protagonista se tornou Miley Stewart, uma menina do interior dos Estados Unidos, com sotaque carregado, que se muda com seu pai e seu irmão para Malibu, na Califórnia para viver seu sonho. Para completar, seu próprio pai, o cantor de country Billy Ray, conseguiu um papel na série – o de pai de Miley, que levou o nome de Robby Ray.

A personagem Hannah Montana era uma cantora e obviamente eram necessárias cenas de shows para a série. Sendo assim, os produtores a colocaram em uma arena na Califórnia com uma grande multidão, contratada pela Disney para fazer o que mandassem. Ao começar a cantar as músicas até então desconhecidas de Hannah, a platéia começou a reagir por contra própria, cantando, dançando e gritando por ela. Ali, o sucesso que o seriado seria começou a aparecer. A série, criada por Michael Poryes, o mesmo de “As Visões de Raven”, estreou sua primeira temporada no dia 24 de março de 2006 com altíssima audiência, o que o levou a ser exibido em outros países, atingindo um público de 200 milhões de pessoas. Dali em diante, “Hannah Montana” e Miley Cyrus passariam a ser os produtos mais valiosos da Disney.

Junto com a primeira temporada, foi lançado também o CD “Hannah Montana OST”, dia 24 de Outubro de 2006, que continha todas as faixas da trilha sonora do seriado. Como esperado, as vendas foram um estouro. Somente na primeira semana, o CD já ficou em #1 na Billboard 200, vendendo mais de 280 mil cópias. A trilha sonora foi a primeira da história a debutar como primeiro lugar e ganhou mais de 3 certificados de platina, tendo 8 de suas 13 músicas no HOT 100 da Billboard. No Brasil, o CD ficou em #6, enquanto no mundo todo a venda total foi de mais de 4 milhões e 700 mil cópias.

Porém, nem tudo eram rosas. Um pouco antes da estréia do seriado, Miley perdeu uma das pessoas mais próximas de sua família – seu avô, Ron Cyrus. Ele morreu devido a um câncer no pulmão e não pôde assistir sua neta realizar seus sonhos. Assim, ela escreveu para ele a música “I Miss You” que futuramente entraria para seu CD. Fora isso, Miley estava tendo problemas dentro do set de filmagem. Emily Osment e Mitchel Musso interpretavam seus melhores amigos na série (Lilly e Oliver, respectivamente), mas o mesmo não acontecia fora das telas. Miley e Emily tiveram problemas de relacionamento durante as filmagens da primeira e da segunda temporada, com brigas constantes que tiveram que ser acompanhadas e trabalhadas pelos produtores da série até tudo ser resolvido. As duas passaram a se dar bem após viajaram juntas para Nashville para gravar um filme, dois anos depois da estréia da série.

Em setembro de 2006, Miley entrou para sua primeira turnê. Ela havia sido convidada para abrir o show das The Cheetah Girls durante a turnê “The Cheeta Girls: The Party’s Just Begun Tour”, como Miley. Ela passou por diversos estados americanos com a banda, cantando sempre as 8 músicas de maior sucesso de Hannah. Porém, o foco não era somente nas Cheetah Girls. Miley e a Disney começaram a reparar que durante os shows, as pessoas gritavam por Hannah e cantavam as músicas dela como se fossem fãs de longa data. Afinal, alguns iam lá mais para ver o novo fenômeno Hannah Montana do que as próprias Cheetah Girls.

Sendo assim, um contrato para a segunda temporada de Hannah Montana foi assinado e as produções começaram. Dia 23 de Abril de 2007, foi ao ar o primeiro episódio e junto com eles, o mais de 5 milhões de telespectadores que assistiam o programa nos Estados Unidos. Com o sucesso de Hannah, a personagem trouxe à tona aquela que dá vida à Hannah: Miley Cyrus. Ela passou a ser convidada de diversos programas, premiações, eventos e tudo que pudesse levar a imagem do sucesso. A atenção era destacada em Hannah, mas Miley tinha 100% dos créditos pelo que estava fazendo. Sendo assim, ela assinou um contrato de 3 CDs com a produtora Hollywood Records. O lançamento da trilha sonora da segunda temporada da série veio também com o primeiro CD de estúdio de Miley onde ela era ela mesma. Dia 26 de Junho de 2007 estava nas lojas o CD duplo “Hannah Montana 2 – Meet Miley Cyrus”, onde você podia acompanhar 10 músicas de Hannah e 10 de Miley. No “Meet Miley Cyrus”, todas as letras foram escritas e co-escritas pela própria cantora. As vendas começaram ainda melhor que o do primeiro CD, também atingindo o #1 na Billboard, só que com mais de 300 mil cópias vendidas. Atualmente, o álbum passa as 4 milhões de cópias pelo mundo e recebeu 3 certificados de platina. Junto com o CD, Miley teve a oportunidade lançar seus primeiros singles. A faixa “Start All Over” ganhou seu clipe, que representa o primeiro de Miley Cyrus sem estar nas costas de Hannah e “See You Again” foi o primeiro mundial de Miley. O sucesso dos singles provou que não somente Hannah estava no topo das paradas, mas que Miley também conseguia fazer o mesmo.

Em agosto de 2007, Miley foi escolhida pelos fãs em voto popular na internet para fazer uma pequena participação no filme da Disney “High School Musical 2”, onde ela aparece dançando no número final do musical.

Com o sucesso estrondoso da segunda temporada de Hannah Montana e da trilha sonora da mesma, a Disney decidiu levar Hannah & Miley a uma turnê pelos Estados Unidos, chamada “Hannah Montana & Miley Cyrus: The Best of Both Worlds Tour”, como forma de trocadilho por você poder ter tanto Hannah quanto Miley. A produção esperava que a grandiosidade da série fosse levada aos shows, mas o mundo ficou perplexo com o que aconteceu. A turnê começou com o objetivo de passar por todos os estados americanos, o que foi cumprido. Pela venda dos ingressos, já dava pra ver o que cada estado apresentaria para Miley. Eles foram vendidos rapidamente e um recorde mundial foi batido: mais de 10 mil ingressos foram vendidos em menos de 8 minutos da abertura das vendas, superando a banda The Police. A turnê começou em outubro de 2007 e teve como participação a recente banda Jonas Brothers, que permaneceu durante mais de 50 shows da turnê. Após a saída deles, a dupla 78Violet tomou o lugar e ao fim, por mais alguns shows, a banda Everlife aproveitou para tirar uma casquinha do sucesso.

A venda dos ingressos foi um estouro, com praticamente todas as cidades esgotadas. Um dólar de cada ingresso vendido durante toda a turnê foi para a instituição beneficente “The City of Hope”, que Miley ajuda desde então. Naquele ano, a turnê se tornou a 15ª com maior arrecadação nos Estados Unidos, com um acúmulo total de 54 milhões de dólares.

O show consistia na entrada de Hannah, com seu típico figurino colorido, que cantava 10 músicas – um misto da primeira e segunda temporada. Depois, a banda participante entrava e cantava por volta de 3 ou 4 músicas, enquanto Hannah voltava a ser somente Miley Cyrus. Com um estilo mais rock e menos brilhante, Miley entrava no palco com a música ”Start All Over” e mais 10 faixas, todas de seu CD “Meet Miley Cyrus”. A música de encerramento era a que agitava a platéia – “Best of Both Worlds” – a da abertura de “Hannah Montana”.

Com as filas sobrando esquinas, fãs fanáticos e sucesso incontestável, foi decidido que seria feito um filme em 3D de um dos shows da turnê, para que aqueles que não tivessem a oportunidade de ver Miley e Hannah de perto tivessem sua chance. Sendo assim, dia 27 de Outubro, durante um show em Salt Lake City, foi filmado o show no qual iria para os cinemas de todo o mundo. O filme mostra os bastidores da turnê, ensaios, a relação da família Cyrus com a música e, é claro, exibia o show inteiro de Hannah & Miley.

Dia 1º de Fevereiro de 2008, após o fim da turnê, o filme em 3D foi lançado em menos de 1000 salas de cinema americanas. De cara, a Box Office contabilizou mais de 8 milhões de dólares somente no primeiro dia do filme, terminando a semana com mais de 31 milhões de dólares e subindo os números cada vez mais, o que fez a Disney prolongar o prazo do filme nos cinemas. Assim como os CDs de Hannah Montana, o 3D foi para países de todo o mundo, incluindo o Brasil. Ao lançarem a pré-venda do DVD, de cara mais de 8 milhões de dólares foram conquistados. O CD com as músicas da turnê ficou em #3 da Billboard. Diante do imenso sucesso, apenas um detalhe foi comentado pelos tablóides: em uma das cenas, Miley e seu pai aparecem no carro sem sinto de segurança. Se tratando de um material Disney, aquilo foi considerado uma falha à demonstração da boa conduta. Billy Ray se desculpou publicamente pela cena.

Em suma, a turnê foi um grande sucesso, assim como seu filme e DVD e trouxe não só mais atenção para Hannah, mas principalmente para Miley, que começou a ser olhada não somente como sua personagem, mas por quem ela é. Miley fechou o ano de 2007 ganhando por volta dos 18 milhões de dólares com turnês, a série, publicidade e tudo o mais. A revista “Forbes”, responsável por fazer listas conscientes das maiores influências mundiais, colocou Miley na posição #35 de TOP 100 Celebridades Mundiais.

Durante o ano de 2008, Miley passou colhendo os frutos que começaram a ser plantados em 2006. Porém, nem todos eram doces. Já no início do ano, algumas fotos pessoais da cantora foram divulgadas na internet por um hacker que teria hackeado o computador da Miley enquanto ela passava essas fotos para alguém por e-mail. Foi um período difícil, pois as fotos geraram grande polêmica em todo o mundo e Miley precisou se desculpar publicamente, reconhecendo o erro e passando um conselho que ficou como sua marca: “Aprenda com seus erros.”

Infelizmente, o pedido de desculpas não foi suficiente para alguns pais, que passaram a proibir seus filhos de assistir Hannah Montana, entre outros absurdos que foram gerados. A Disney não cancelou a exibição do seriado e também pediu desculpas publicamente aos telespectadores. As fotos continuaram sendo publicadas aos poucos até o fim do semestre.

Em Abril de 2008, Miley passou por outra polêmica relacionada a fotos. Junto com seu pai Billy Ray, Miley fez um ensaio fotográfico para a revista Vanity Fair e em uma das fotos ela aparecia com as partes íntimas cobertas somente por um lençol. As fotos, tiradas pela renomada fotógrafa Annie Lebovitz, foram publicadas e causaram grande tumulto na mídia, que criticou a relação muito íntima de Miley e Billy no set, além de acusarem a família de permitir que uma menina de 15 anos tirasse fotos daquela maneira. Miley veio à público se desculpar, dizendo: “Eu fiz uma sessão de fotos que era para ser artística e agora, vendo as fotos e lendo a história, me sinto envergonhada. Nunca tive a intenção de que isso acontecesse e peço desculpas a meus fãs que eu me importo tanto.”

A fotógrafa também falou sobre o assunto, dizendo “Sinto muito que minhas fotos para Miley foram mal interpretadas. A foto é uma simples e clássica arte, feita com pouca maquiagem e acho que é muito linda.” Com o tempo, o escândalo foi diminuindo, porém, até hoje a mídia cita essa polêmica quando fala sobre Miley.

Dia 17 de Junho de 2008, Miley lançou o single “7 Things”, que era uma faixa incluída no seu segundo CD de estúdio e o primeiro sem nenhuma relação com Hannah Montana, chamado “Breakout”. O CD continha 12 faixas, sendo 11 inéditas e 8 escritas por Miley, que declarou que o álbum era sobre “o que tem acontecido na minha vida no último ano”. Depois de algumas entrevistas e em sua biografia “Miles To Go”, a cantora, atriz e compositora revelou que eram todas escritas pensando em Nick Jonas, seu ex-namorado e primeiro amor.

“7 Things” foi um sucesso mundial, ficando em #9 na Billbord HOT 100 e vendendo rapidamente milhões de downloads pagos e recebendo uma ótima crítica fazendo referência ao pop e provando que Miley conseguia se sustentar fora de “Hannah Montana”. A música fala sobre as 7 coisas que ela odiava em seu ex-namorado e no fim ela se rende dizendo as 7 coisas que mais ama. O clipe foi lançado dia 28 de Junho de 2008 no canal americano ABC e se tornou o vídeo mais assistido de todos os tempos do Youtube, até o lançamento de “Bad Romance” da Lady Gaga.

“Breakout” foi lançado dia 22 de Julho de 2008 nos Estados Unidos e já na primeira semana atingiu o número #1 da Billboard 200, vendeu mais de 371 mil cópias somente na primeira semana. Até hoje, o álbum já vendeu mais de 3 milhões de cópias em todo o mundo e ganhou um certificado de platina. Após alguns meses, lançaram a versão Deluxe do CD, onde vinha com mais duas faixas – “Someday” e “Hovering”, e um DVD onde você poderia ver o clipe do primeiro single, “7 Things” e os bastidores do mesmo, além de performances do “Live Stripped Performance” e do Disney Channel Games 2008, no qual ela canta “See You Again”, “Breakout” e “Fly On The Wall”.

Em forma de promover seu álbum “Breakout”, Miley foi convidada para ser a apresentadora principal da premiação “Teen Choice Awards” em 2008 e lá ela cantou “7 Things” e apresentou a batalha de danças entre o seu grupo “M&MCru” e “AC/DC”, tornando a premiação um sucesso.

A partir do segundo semestre de 2008, Miley começou a sofrer rumores de que estaria namorando o modelo de 5 anos mais velho, Justin Gaston. Ela aparecia com ele publicamente diversas vezes, mas não assumia o namoro, dizendo que ele era somente um amigo. No início do ano seguinte, ela enfim assumiu seu relacionamento com ele, que acabou no meio de 2009.

Dia 9 de Agosto de 2008, Miley lançou o segundo single do seu mais recente CD “Breakout” – dessa vez foi a faixa “Fly on the Wall”, onde ela fala sobre ser perseguida pelos paparazzi aonde quer que vá. Era uma forma de desabafo da cantora, que disse: “Eu escrevi [essa música] para a mídia, pois sempre sinto que a mídia quer estar o tempo todo em minha vida, e sempre querem saber mais coisas sobre a minha vida. Eles estão na minha casa, no meu quarto, em todos os lugares. E é como, eu vou a diferentes lugares, tentando ‘fugir’ deles, mais parece não funcionar, como se eles pudessem voar.” A música não chegou ao HOT 100 da Billboard, mas ficou em #69 no HOT Digital Songs das paradas americanas. A crítica foi ainda mais generosa que “7 Things”, afirmando que esse sim é o pop de verdade que ninguém tinha conseguido fazer ainda, mas que foi trago por Miley. O clipe foi lançado no fim do ano com um conceito do sucesso “Thriller” de Michael Jackson. Durante o clipe, o namorado de Miley se torna um paparazzi e ela tem que fugir tanto dos fotógrafos, quanto dele, dentro de um estacionamento.

Dia 6 de Outubro de 2008, Miley realizou seu “Sweet 16″ (festa de 16 anos) antecipada com uma grande comemoração na Disneylândia. A festa foi aberta aos fãs, com a condição de que eles comprassem o ingresso por 250 dólares. Todo o dinheiro arrecadado na festa foi entregue à Youth Service America. Foi lá que Miley ganhou de presente de sua mãe uma pequena cachorrinha maltês chamada Sophie. Foi uma grande festa que fez não só Miley e seus fãs felizes, mas também arrecadou dinheiro para uma instituição

Dia 21 de Novembro de 2008, aconteceu a estreia do filme “Bolt”, uma animação da Disney na qual Miley dubla a voz da personagem Penny, a melhor amiga do cachorro que leva o nome do filme. No filme, a dupla é chamada para ser protagonista de uma série. Lá, os produtores fazem Bolt acreditar nos super poderes deles. Um dia, ele é separado de Penny e tenta salvá-la, descobrindo que para ser um herói não é necessário super poderes.

Na sua estréia, o filme começou com 7 milhões de dólares e ao final do primeiro mês, já tinha mais de 60 milhões. Ele ficou quatro meses em cartaz, atingindo o total de 115 milhões. No Brasil, o filme ficou 2 meses em exibição nos cinemas, arrecadando 4 milhões. O total bruto do filme pelo mundo foi de 309 millhões de dólares.

Durante as gravações, Miley construiu uma boa amizade com a família de John Travolta, que dubla o cão Bolt. Juntos, os dois escreveram a música tema do filme, chamada “I Thought I Lost You”, que mais tarde foi indicada ao Globo de Ouro por melhor música de filme.

Dia 2 de Novembro de 2008, estreou a terceira temporada de Hannah Montana, onde muitos imaginavam ser a última. Nessa, Hannah se apresentou com um novo visual – sua peruca loira estava mais curta e ondulada. Além disso, a abertura da série teve seu modelo modificado e passou a ter um remix de “The Best of Both Worlds”. O último capítulo da temporada deixou a dúvida: Hannah continuará sendo Hannah ou será apenas Miley Stewart?

Miley declarou para a Disney sua vontade de que a série fosse finalizada com uma boa história e não de repente. Isso fez com que a empresa decidisse por uma quarta e última temporada do maior sucesso da Disney, que estreou somente em 2010.

O CD da temporada foi lançado dia 7 de Julho do ano seguinte e veio não só com um CD, mas também com um DVD que continha os clipes das músicas. O álbum estreou em #3 na Billboard vendendo mais de 137 mil cópias na primeira semana.

2009 foi um ano que começou com honras e muito agitado para Miley. Dia 19 de Janeiro, ela foi à cerimônia de posse do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, onde fez uma performance na “sessão infantil”. Lá, ela cantou pela primeira vez a música que seria o seu single de maior sucesso até o momento: “The Climb”. Foi no evento da presidência americana que Miley lançou a música que fala sobre não desistir, sempre seguir em frente, não importa o que aconteça, e que inspirou diversas pessoas por todo o mundo. “The Climb” foi escrita pelo produtor John Shanks e foi OFICIALMENTE lançado em Março daquele ano, quando atingiu o número #4 na Billboard 100. A canção está originalmente inserida no CD da trilha sonora de “Hannah Montana: O Filme”, que teria sua estreia em breve.

“The Climb” foi futuramente indicada ao Grammy Awards 2010 como melhor música escrita para um filme, porém, foi retirado de sua categoria já que foi considerado que a música não foi escrita direto para a produção cinematográfica.

O sucesso de “The Climb” era aparente. Em todas as rádios, em todas as televisões, estava tocando ou alguém falava sobre, desde crianças até adultos. A música atingiu os três milhões de downloads pagos e recebeu um certificado duplo de platina. O clipe da estreou dia 11 de Fevereiro no MySpace e já ultrapassou as 100 milhões de vizualizações no Youtube. Ele era bem simples, com Miley tocando violão e mostrando o caminho que se segue por uma estrada e que não se deve desistir na primeira montanha que se encontra. Exigindo o uso de bons vocais, os covers da música foram inúmeros e ela foi muito usada em competições de música como “American Idol” e “Britain’s Got Talent”.

Em março, Miley estava lançando um pequeno pedaço de sua vida: sua autobiografia “Miles to Go”. No livro escrito por Miley, ela conta como sua vida se transformou de uma pequena menina do interior para uma super estrela da música. Ela mostra curiosidades, fala sobre seu primeiro amor, suas melhores amigas, a relação com sua família, seu amor pela música e pela atuação, como enfrenta a mídia, suas futuras ambições e muito mais. O livro vendeu mil cópias somente no primeiro dia e atualmente tem mais de 2 milhões de cópias vendidas pelo mundo. Ele se tornou um Best-seller do “The New York Times”, ficando em #1 durante algumas semanas.

O livro chegou ao Brasil somente no início de 2010, com o nome “Hannah Montana & Eu” – considerado um erro já que a história não era sobre Hannah e sim sobre Miley. Em 2010, o livro recebeu 5 capítulos adicionais, em que Miley conta o que havia acontecido nesse um ano de sua vida. Essa segunda versão do livro ainda não chegou ao Brasil.

Dia 10 de abril de 2009, aconteceu a estreia do filme “Hannah Montana: O Filme”, que era baseado na série. Nele, Miley Stewart deixa o sucesso de Hannah subir à cabeça, esquecendo seus valores. Assim, Billy Ray decide levá-la para a velha fazenda da família em Nashville para que Miley relembre suas raízes. Na sua cidade natal, ela se apaixona por Travis, interpretado por Lucas Brody, e revê seus valores, tendo que no fim escolher entre ser apenas Miley ou continuar com a vida dupla. A produção teve lançamento em meio a um feriado de Páscoa e somente no primeiro dia teve mais de 17 milhões de dólares nas bilheterias, terminando a semana com 32 milhões e ficando em #3 no Box Office. No Brasil, o lançamento aconteceu em junho e o sucesso foi grande também, ficando em #4 lugar durante várias semanas. Ao fim da exibição por todo o mundo, o filme conseguiu mais de 155 milhões de dólares. Não era de se esperar o contrário, já que Miley fez uma forte divulgação do filme tanto nos Estados Unidos como na Europa.

Dia 23 de Março de 2009, alguns dias antes do filme, foi lançada a trilha sonora do mesmo, com 18 faixas. Dentre elas, algumas escritas por Miley, John Shanks, Matthew Gerrard e outros renomados.

O álbum começou vendendo na primeira semana mais de 139 mil cópias e foi crescendo a cada semana. Ganhou certificado de platina nos Estados Unidos, em alguns países na Europa e também no Brasil, onde vendeu mais de 40 mil cópias.

O namoro de Miley com o modelo Justin Gaston, que havia recebido muita crítica e polêmica, terminou no início de Junho, quando Miley teve que priorizar seu trabalho, depois de quase um ano de relação.

Dia 5 de Junho de 2009, Miley foi aos estúdios da Disney fazer a gravação da música “Send it On” e dos comerciais que seriam exibidos no canal, falando sobre o meio ambiente e as formas de preservá-los. Nesse dia, os rumores de que Miley e Nick Jonas haviam retornado seu namoro foi forte, já que eles foram vistos muito íntimos em diversas fotos e vídeos.

Dia 6 de Junho Miley saiu de Los Angeles e foi morar temporariamente em Georgia, mais especificamente na Ilha Tybee Island. Lá, ela começou a filmar seu novo filme chamado “A Última Música”, baseado em um livro de mesmo nome do autor Nicholas Sparks.

O filme fala sobre uma menina chamada Veronica Miller (Ronnie), que se envolve em problemas na cidade que vive, Nova York, então sua mãe decide mandá-la para morar com seu pai na praia. Lá, ela reaprende o valor da família, volta a falar com seu pai e recupera seu amor pelo piano, além de ter seu primeiro amor – o personagem Will, vivido por Liam Hemsworth. O primeiro dia de filmagem foi 15 de Junho e se estendeu até 18 de Agosto.

Nos primeiros dias na cidade, Nick Jonas visitou Miley e a mídia caiu em cima deles novamente, até que Nick afirmou que os dois estavam se “reconectando”. Dia 15, Miley viajou até o Texas e cantou a música “Before the Storm”, música a qual Miley e os Jonas escreveram juntos, com Nick em um show da banda. Porém, depois de algumas semanas, a poeira baixou e não foram mais vistos juntos. Durante esse período que ficou em Georgia, Miley não esqueceu da música.

Foi lá que ela gravou músicas para seu EP, entitulado “The Time of Our Lives” e lançou o seu novo single “Party in the USA”. A música foi um sucesso instantâneo. Escrita por Dr. Luke, ela atingiu a posição #2 da Billboard – a melhor posição da carreira de Miley. Além disso, o single ficou em #1 nas mais pedidas na rádio e em outros rankings, vendendo mais de 5 milhões de downloads pagos.

“Party in the USA” fala sobre a vida de Miley como celebridade em Hollywood, com uma letra bem descontraída e mencionando artistas como Jay-Z e Britney Spears.

O clipe da música foi lançado dia 23 de Setembro e mostra Miley em um ferro velho com dançarinas e também no palco com uma grande bandeira dos Estados Unidos. Atualmente o clipe já tem mais de 150 milhões de vizualizações.

A primeira performance da cantora com essa música foi dia 10 de Agosto, durante a premiação Teen Choice Awards, onde causou polêmica devido à sua performance considerada “ousada” para a idade de Miley.

Dia 19 de Agosto de 2009, Miley foi vista de volta em Los Angeles, já que as filmagens de “A Última Música” tinham acabado. Dia 28 de Agosto, ela estava lançando, com exclusividade da loja Wal-mart, o EP “The time of Our lives”, com 7 faixas, todas inéditas. O álbum estreou em #3 na Billboard 200, vendendo 60 mil cópias na primeira semana, o que era um ótimo número, já que ele tinha venda exclusiva em somente uma loja. O EP ganhou platina nos Estados Unidos e Espanha e foi ouro em outros países da Europa e na Nova Zelândia. No Brasil, ele foi lançado somente no fim de outubro, e com uma capa diferente da dos EUA e com um pôster autografado, além de uma faixa adicional – “The Climb”. Atualmente, por todo o mundo, EP já ultrapassou as 3 milhões de cópias vendidas.

O objetivo principal de “The Time of Our Lives” era fazer propaganda à Linha de Roupas de Miley, que foi feita em parceria com o estilista Max Azria. A coleção de Miley, vendida nos Estados Unidos e Canadá com exclusividade Walmart, vende itens a um preço muito barato, com uma média de menos de 15 dólares. São roupas comuns, casuais, no estilo que Miley usa.

Dia 3 de Agosto de 2009, Através do MileyWorld, Miley anunciou sua nova turnê, chamada “Wonder World Tour”, que começou dia 14 de Setembro na cidade de Portland e terminou dia 29 de Dezembro, no Reino Unido. Miley passou por mais de 40 cidades americanas, além de Dublin, na Irlanda e Birmingham, Londres e Manchester na Inglaterra.

Entre as músicas da Wonder World Tour, estavam algumas do CD Breakout, Meet Miley Cyrus, Hannah Montana: O Filme e do EP The Time of Our Lives, além do cover de “I Love Rock N’ Roll” de Joan Jett. Era um total de 21 músicas. Miley também cantou a música “Hovering” com seu irmão Trace Cyrus, que com sua banda, “Metro Station”, abria os shows da turnê.

A maioria das cidades que Miley passou tiveram seus ingressos esgotados. No Reino Unido, foi necessário adicionar mais 4 datas devido à grande procura. Miley lotou arenas de mais de 30 mil pessoas.

O show era um tanto diferente da última turnê de Miley. Durante as performances, havia dançarinos por toda a parte, coreografias trabalhadas e uma média de 10 mudanças de figurino, além de uma mega produção. Durante as mudanças, no palco Miley aparecia com um pequeno carro, uma moto, um cubo gigante de gelo, carregador de mala e até voava sobre a platéia. Era literalmente um espetáculo.

A turnê terminou ganhando um total de 45 milhões de dólares e uma bela quantidade de polêmica. Miley deixou bem claro desde o início que sua turnê era de Miley e não de Hannah. Sendo assim, ela foi ela mesma durante toda a turnê. Suas roupas curtas e justas assustaram alguns fãs de Hannah e deu muita matéria para a mídia. Porém, Miley não se importou porque seu propósito não era chocar ou receber críticas, e sim transmitir música.

Durante sua passagem pelo Reino Unido, Miley passou alguns dias livres em Paris, onde foi vista em público aos beijos e abraços com seu novo namorado – Liam Hemsworth. Eles foram fotografados andando pela cidade-luz alguns dias antes de Miley fazer seus shows nas arenas lotadas. Ali o namoro que começou nas gravações de “A Última Música” foi confirmado.

O fim de ano de Miley foi fechado com chave de ouro: em um evento promovido pela Rainha Elizabeth, da Inglaterra, ela foi convidada para cantar a música “Party in the USA” e aceitou. Foi nesse evento que Miley conheceu sua ídola do pop, Lady Gaga. Por fim, no último dia do ano Miley viajou para a Austrália, país de seu namorado Liam, onde passou o ano novo com a família dele.

No início do ano, Miley foi vista indo e vindo frequentemente de estúdios em Los Angeles e Burbank – ela estava gravando seu novo álbum e filmando a nova temporada de Hannah Montana. Também foi no início do ano que Miley gravou as músicas “Everybody Hurts” e “We Are the World” em forma de arrecadar dinheiro para as vítimas de um terremoto no Haiti.

Dia 16 de Fevereiro, Miley lançou seu novo single, “When I Look At You” como forma de promover o filme “A Última Música” que seria lançado em breve nos Estados Unidos. A música estreou na posição #16 na Billboard HOT 100 e não teve grandes números de download. A letra fala sobre você encontrar refúgio e felicidade na pessoa amada, sendo um namorado, amigo ou família. O clipe foi oficialmente lançado dia 21 de Fevereiro de 2010, apesar de ter vazado em setembro do ano anterior. Atualmente, o vídeo tem mais de 26 milhões de visualizações no Youtube. Ele consiste em algo bem doce, onde Miley toca piano em uma bela floresta e em frente ao mar de Georgia e também são exibidas algumas cenas do filme “A Última Música”, o que leva o ator australiano Liam Hemsworth a aparecer diversas vezes no vídeo.

O filme “A Última Música” estreou dia 31 de Março de 2010 nos Estados Unidos. Nos dois primeiros dias de exibição, a produção ganhou mais de 16 milhões de dólares na bilheteria, ficando em #4 no Box Office.

Dia 18 de Maio de 2010, Miley começou a revelar qual seria o próximo passo de sua carreira. Ela lançou o single chamado “Can’t be Tamed”, que com livre tradução diz ‘Não posso ser domada’.

Com uma capa onde a mostra presa em uma jaula, a música estreou em #8 na Billboard com mais de 190 mil downloads pagos na primeira semana, #1 no iTunes e foi ganhando cada vez mais espaço nas paradas internacionais, onde teve mais sucesso. Atualmente, o single tem por volta de um milhão de downloads. O clipe da música foi lançado dia 4 de Maio de 2010, através do canal E!, e mostrou algo totalmente diferente do que Miley já havia feito. No início, aparece um público que está no museu de Nova York, até que o guia anuncia uma criatura rara: a Ave Cyrus. Assim, Miley aparece dentro de uma gaiola e ao flash da câmera, ela se assusta e abre suas grandes asas para dar início à melodia. As imagens correspondem a coreografias e todos os dançarinos vestidos de pássaros, dentro do museu, enquanto a letra diz que Miley não pode ser domada, modificada ou culpada por nada, porque assim que ela é. Atualmente, o vídeo tem mais de 40 milhões de visualizações no Youtube.

A música foi uma prévia para a divulgação do CD “Can’t be Tamed”, que foi lançado dia 21 de Junho em todo o mundo. O álbum veio com 11 faixas inéditas, mais o recente single. Todas as 12 músicas do CD foram escritas por Miley na companhia de Antonita Armato, John Shanks e Tim James. Esse definitivamente é o CD mais pop de Miley, com batidas que lembram Ke$ha, Lady Gaga, Madonna e Britney Spears. As canções variam falando sobre amor, relações passadas e como ultrapassá-las, amizade e sobre ser você mesma sem estar sob o controle dos outros. A faixa que marca o tema do CD é “Robot”, onde Miley faz um desabafo, dizendo que não será e nem fará o que as pessoas mandam e sim o que ela acha que é melhor para ela. Essa faixa daria o nome ao CD, mas o título foi mudado na última hora.

“Can’t be Tamed” vem com duas versões: a simples, com o CD, e a Deluxe, com o CD e um DVD contendo o show da Wonder World Tour e bastidores da mesma.

O CD/DVD estreou em #3 na Billboard, vendendo por volta de 115 mil cópias. Infelizmente, o CD teve uma queda com o passar das semanas. Porém, esse foi o álbum de maior sucesso internacional de Miley. Enquanto os Estados Unidos insistia em seu conservadorismo e focava na vida pessoal de Miley, o resto do mundo colocou seu CD em primeiro lugar nas paradas.

Ela vendeu por volta de 800 mil cópias em todo o mundo, enquanto os Estados Unidos ficaram com 300 mil cópias do mesmo, garantindo mais de 1 milhão nas vendas em todo o mundo em dois meses.

A melhor divulgação de Can’t be Tamed foi feita na Europa, antes do lançamento do CD, onde Miley ficou mais de uma semana. No dia 29 de Maio de 2010, Miley cantou em um dos maiores eventos da música mundial: no Rock in Rio, feito em Lisboa. Com um público de mais de 60 mil pessoas, ela cantou as músicas da Wonder World Tour além de “Can’t be Tamed” e duas faixas inéditas até então: “Robot” e “My Heart Beats for Love”.

Dia 6 de Junho Miley deu o mesmo espetáculo no Rock in Rio, só que dessa vez de Madri, com uma média de público ainda maior que Lisboa.

Dia 20 de Junho do mesmo ano, Miley foi convidada para ser a apresentadora principal da premiação canadense Much Music Awards, onde ela cantou “Party in the USA” e “Can’t be Tamed”. No mesmo dia, ela ganhou o prêmio de melhor clipe pela música tema dos Estados Unidos.

Dia 11 de Julho ocorreu a estreia da quarta e última temporada de Hannah Montana, que teve seu nome mudado para “Hannah Montana Forever”, em forma de eternizar o seriado. As mudanças dessa vez foram não somente no visual de Hannah, mas em todo o cenário. A família Stewart se mudou para uma nova casa, ainda em Malibu, onde Miley teria a oportunidade de cavalgar com Blue Jeans, seu cavalo de Nashville, além de ter acesso às mesmas facilidades da cidade.

Dia 20 de Julho de 2010, Miley seguiu para o estado de Michingan onde filma seu novo filme, o remake “LOL: Laughing Out Loud” (“Rindo à toa”). A produção original é francesa e Miley dá vida à personagem principal Lola. Sua mãe no filme é a renomada atriz Demi Moore e há outros atores como Ashley Greene (“Crepúsculo”), Tanz Watson, Marlo Thomas e Douglas Booth. Dia 24 de Agosto Miley anunciou o fim de seu namoro de mais de um ano com o ator australiano Liam Hemsworth.

Para o ano de 2010, Miley ainda está para gravar o filme “Wings” e em 2011 “Wake”.

publicado por diary-and-more às 18:35

link do post | comentar | favorito

Noah vai pariticipar em "Feiticeiros de Waverly Place"?

 

Noah Cyrus, a irmã da Miley, foi vista com a mãe, Tish, nos estudios da Universal para ir a uma audição para a série americana do Disney Channel. A série para que ela supostamente fez a audição era "Feiticeiros de Waverly Place", que é protagonizada pela Selena Gomez. Será que a Noah vai seguir as passadas da irmã e entrar para a Disney?

Fonte: SelenaGomezBR

publicado por diary-and-more às 18:30

link do post | comentar | favorito

Miley vai ao Brasil?

 

Segundo o twitter @mileyinformer, fonte de inumeras noticias correctas osbre a Miley, publicou que Miley vai fazer um ensaio fotográfico em exclusivo para o Brasil. Além disso diz também que Miley fará um concerto no Brasil além do do Rock in Rio. Confere os tweets traduzidos:

A Miley estava a fazer um ensaio fotográfico promocional para o Brasil

 

Sim! A Miley é 100% confirmada para outro concerto além do Rock in Rio

Fonte: MileyBR

publicado por diary-and-more às 18:28

link do post | comentar | favorito

Cody Linley fala sobre Miley

 

 

Cody Linley, que já participou na Hannah Montana, tentou cantar a música "Party in the USA" num video dos bastidores do seu novo videoclip "Breathe". Ele falou também sobre a Miley. Confere o video:

 

Os meus cumprimentos à Miley Cyrus! Ela é a minha melhor amiga, ela não pode ser domada, meu! Eu também não, eu sou uma besta!
Fonte: MileyBR

publicado por diary-and-more às 18:23

link do post | comentar | favorito

.Image and video hosting by TinyPic

Olá! Aqui vais saber todas as novidades sobre a Hannah Montana e a sua actriz Miley Cyrus! Bjs!

.Image and video hosting by TinyPic

Nome Do Blog: Hannah Montana e Miley Cyrus Novidades Host: SAPO Design by: Encomendas Flash Desde de: 07-10-2010

.Image and video hosting by TinyPic

Contador visitas
Motos

.Image and video hosting by TinyPic


.Image and video hosting by TinyPic


.Image and video hosting by TinyPic


MusicPlaylist
Music Playlist at MixPod.com

.arquivos